novembro 27, 2014

a rotina tá corrida demais, assim que der eu volto a blogar e visitar os blogs amigos ;)

Porto Alegre; festival boa vizinhança; bairro floresta;

Festival da Boa vizinhança

novembro 18, 2014

Não, não é aquele episódio do Chaves não, mas foi inspirado nele tambem.

Aconteceu no último domingo dia 16 aqui em Porto Alegre no bairro Floresta, o bairro onde cresci e ainda moro.
Depois de tantos anos ele ter sido deixado de lado por tantas autoridades locais, tem diversos eventos da iniciativa da população acontecendo por aqui, e esse festival foi um deles. E dessa vez eu fui!
Estava bem animado e divertido!


Pessoal colocou mesas e bancos na rua, tinha artistas expondo, bandas tocando música, cerveja artesanal a venda, muita conversa, cantinho pra expor o que você deseja pro bairro (olhem a foto do varal):





Bacana essas iniciativas acontecerem, que sirvam para abrir os olhos das autoridades públicas e investidores para dar nova vida ao bairro, que anda tão inseguro e abandonado. 

Esqueci de deixar escrito meu desejo no varal, mas além de mais segurança, desejo padarias no bairro, já que as que tinham quando eu era Criança sumiram todas!





arquitetura

visitando a terra da garoa (de novo)

novembro 11, 2014


Consegui conhecer alguns lugares novos desta vez. Agora a ponte aérea POA - SP vai ser mais frequente por causa do namorado. Então vamos fazer do limão uma limonada!

fui ver de perto o painel do artista Kobra, que pintou o rosto do arquiteto Oscar Niemeyer. Conseguem identificar algumas obras do arquiteto nesta pintura?

no início da av. Paulista, na Praça Oswaldo Cruz, fica o prédio que virou uma pintura urbana

de onde bati a foto do mural, fica a Casa das Rosas, um antigo casarão da aristocracia paulistana que hoje abriga um centro cultural. Tem uns jardins bem legais lá também, além de um café e um edifício aos fundos que abriga outros centros culturais e escritórios.



adorei ver espalhados pela casa os detalhes da restauração que foi feita ali

tava rolando uma exposição de quadrinhos bem divertida



tão marcando uma dança da chuva na rua, quem vai?

o hospital Santa Catarina com sua capela e junção de novo x antigo

hamburgueria Big Kahuna, com temática do Pulp Fiction, cheio de marcas de sangue pelas paredes. Não gosto dos filmes do Tarantino, mas o lugar é bacana e o hamburguer é divino


fui no Salão do automóvel prestigiar o trabalho do namorado e ver os lançamentos do meu futuro Porsche

e foi isso!

Desafio da Madi

novembro 07, 2014

Dessa vez foi a Madi que me desafiou e não posso desobedecê-la!!!
Tenho que responder algumas perguntinhas pra vocês:

1- Quais eram suas 4 brincadeiras prediletas em sua infância?
Mesmo eu tendo 4 irmãos, eu lembro de brincar muito sozinha, apesar de adorar brincar de esconde esconde com eles,  amava brincar de Barbie, de Lego (montava casas lindas que minha vové ficava surpresa comigo, e agradar a nonna calabresa não era fácil), de bolha de sabão e tenho uma lembraça remota de uma brincadeira um tanto inusitada: brincar de fila do inps. Sim, eu achava o máximo imitar a burocracia dos adultos e brincava sozinha que estava numa fila para ganhar um carimbo no papel.

2- Quais foram seus 4 filmes prediletos em sua infância?
Dois filmes que marcaram minha infância são: Cantando na Chuva, pois eu assistia com meu pai quando passava na Globo de madrugada, especialmente nas festas de fim de ano; e A Bela e a Fera, que lembro ter sido meu primeiro filme visto no cinema (no finado Baltimore, ali da frente da Redenção, pra quem é daqui de Porto Alegre) e eu adorava demais.
Outro filme que me marcou foi Alice no País das Maravilhas, pois lembro que quando ainda não tínhamos video cassete em casa, minha mãe me comprou a fita deste filme como se fosse um amuleto que atrairia a chegada do videocassete (que demorou mais uns anos pra chegar).
Não teria um filme pra colocar na quarta posição, mas sim vários: Esqueceram de mim, o Rei Leão, Pocahontas, Ghost, Titanic, etc.

3- Qual era o medo que você tinha?
Tinha muito medo que o meu prédio caísse, que meus pais desaparecessem e medo de ladrão entrar em casa. Acho que esses medos não mudaram muito hoje em dia hehehe

4- Qual era o seu desejo de consumo?
Não lembro de ter um desejo de consumo só, mas eu gostava de ir na loja Superfestas e ficar babando em brinquedos que estariam pra sempre longe do meu alcance, como a Ferrari da Barbie, baldes gigantes de Lego, e alguns outros.

5- Qual era seu personagem infantil favorito?
Boa questão! Não sei! Pica pau talvez?

6- Comparando as crianças daquela época com as atuais, em seu ponto de vista, qual ponto positivo e negativo?
Ponto positivo que me lembro de brincar com coisas mais analógicas, e inventar brincadeiras com meus amigos que não dependesse de algum aparelho eletrônico, o que também poderia ser ruim, pois hoje tem tanto brinquedo bacana eletrônico que acaba instigando a criatividade e desenvolvimento das crianças.
Lembro também que eu tinha uma amiga (oi Pri!) que não tinha telefone em casa, e mesmo assim a gente conseguia combinar de se encontrar depois da aula, de alguma maneira a gente se comunicava!

7- Linkar a pessoa que indicou este questionário:
a queridona Madi, do Bloguinho da Madi!

8- Mandar esse questionário para 04 blogueiros e avisá-los para responderem.
Deixo em  aberto para quem quiser responder! Sintam-se livres para isso! \o/


9- Postar uma foto de infância ou algo que fez parte dela.

meu primeiro dia de aula, com meu papai!

Doce novembro

novembro 03, 2014

Eu acabei escrevendo ontem um post tão rabugento que nem eu aguentei depois e deletei. 

Agora, sem reclamações, só queria dizer que estou bem faceira de rever meu namorado aqui em Sampa neste findi. 
Amanhã já volto pra província.

Ciao carissimi!
(Ando numa fase de volta às origens e tentando reaprender italiano hahaha)


Instagram